Cirurgia plástica na terceira idade

  • Cirurgia Plástica

A cirurgia plástica tem a capacidade de transformar corpos e, consequentemente, vidas. E um momento em que esse poder pode ser percebido ainda mais nitidamente é na terceira idade.

Cada vez mais pessoas com idade acima de 60 anos buscam procedimentos estéticos. Isso porque a população está vivendo mais e melhor a cada dia. As mulheres, principalmente, estão muito bem física e psicologicamente, e mais cientes de seu papel social. Não abrem mão de sonhos e planos com o passar dos anos.

Ao contrário, muitas delas, à medida que o tempo avança, ganham confiança e autonomia para correrem atrás do que desejam, e a aparência física pode estar intimamente ligada a como se sentem e à percepção que têm de si em relação ao mundo.

Mulheres acima dos 70 anos – idade que antigamente significava censura imediata a uma plástica – , com exames perfeitos, atualmente podem usar a cirurgia para deixar a aparência exterior mais condizente com o interior, jovem e ativo.

O cuidado, claro, é redobrado. Mas diante da boa saúde das pacientes e sua atitude positiva, é possível realizar procedimentos extremamente bem sucedidos. Perceber os resultados é gratificante. Muitas contam que passaram a ser tratadas de forma diferente, que são motivo de admiração entre familiares e amigos, e ganharam um novo fôlego para seguir adiante.

Note-se que o objetivo de se submeter a uma plástica nessa faixa etária não é uma tentativa de resgatar a aparência dos 20 anos de idade. É preciso compreender a passagem do tempo e aproveitar as modernas técnicas de cirurgia, sem radicalismos, para ficar com o visual o mais natural possível. O propósito nunca é apagar a própria história com o bisturi.

Na sala de cirurgia, entretanto, é possível tratar os maiores desconfortos estéticos de quem chegou e ultrapassou os 60, como rugas e flacidez no rosto e gorduras localizadas.

Também é importante destacar a lição que estas pessoas deixam para os jovens: saúde e beleza andam sempre juntas. Quem começa a se cuidar cedo tem mais chances de chegar à terceira idade com as taxas normais, pele melhor e maior disposição e vivacidade.

Dr. Luis Eduardo Barbosa

O Dr. Luís Eduardo Barbosa (CRM 9369ES) formou-se em medicina pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FMRP–USP), em 2001, fez residência médica de Cirurgia Geral pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo em Ribeirão Preto (HC-FMRP-USP), tendo completado seus estudos de Cirurgia Plástica na Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), todas instituições tidas como as melhoras na área em toda a América Latina e das melhores do mundo.